HOME MUNDO 
Mulher de 92 anos mata filho para evitar ser mandada para asilo
  Edson Paim,    Quarta, 04 de Julho de 2018 - 18:02


Mulher de 92 anos mata filho para evitar ser mandada para asilo


Ativistas pró-escolha reagem fora do Congresso argentino em Buenos Aires, em 14 de junho de 2018, pouco depois de os legisladores aprovarem um projeto de lei para legalizar o aborto.

Senado debate projeto para legalizar aborto na Argentina

&.57478;
Andrés Manual López Obrador, novo presidente do México: AMLO arrematou uma vitória histórica no último domingo, levando a esquerda ao poder

Presidente do México recusa residência e avião oficiais





Anna Mae Blessing: dois revólveres no bolso para se confrontar com o filho.© Reprodução Anna Mae Blessing: dois revólveres no bolso para se confrontar com o filho.
Uma mulher de 92 anos matou seu filho de 72 anos, nos Estados Unidos, porque ele queria colocá-la em um asilo, segundo a polícia de Fountain Hills, no estado do Arizona. Ela também tentou matar a namorada do filho, que conseguiu fugir, e tinha a intenção de se suicidar logo em seguida.

Anna Mae Blessing está presa sob a acusação de assassinato, agressão e sequestro. De acordo com os relatórios da Justiça, ela decidiu disparar contra o filho, cujo nome não foi revelado, porque ele queria enviá-la para uma casa de cuidados a idosos por alguns dias.

“Você tirou a minha vida, então, estou tirando a sua”, ela teria dito ao ser levada de sua casa, que compartilhava com o filho e a namorada. Blessing contou à polícia que tinha a intenção de se matar. O caso ocorreu na última segunda-feira (2).

A polícia apura se o crime teria sido premeditado por causa da disputa de Blessing com o filho sobre sua internação, explicou o sargento de polícia do Condado de Maricopa, Bryant Vanejas, à emissora local KPHQ.

O filho queria colocá-la em um asilo porque a convivência com a mãe teria se tornado difícil, diz o relatório da polícia. Antes de discutirem pela última vez, ela escondera dois revólveres no bolso. Ao confrontá-lo, sacou uma das armas e atirou. Ele foi encontrado pela polícia com tiros no pescoço e na mandíbula.

Blessing apontou a arma para a namorada do filho, de 57 anos, que conseguiu afastar o revolver jogá-lo para um canto do quarto. A idosa sacou a segunda arma – que havia ganhado de seu marido na década de 70 – e apontou novamente para a mulher, que mais uma vez conseguiu se desvencilhar e fugir rumo à delegacia.

A polícia encontrou a idosa sentada na cadeira de balanço de seu quarto e a levaram sem que ela demonstrasse sinais de arrependimento. Ela está sendo acusada de homicídio premeditado, agressão grave e sequestro. A fiança para responder ao processo em liberdade foi fixada em 500.000 dólares (quase 2 milhões de reais).


 Fonte:http://www.msn.com/pt-br/noticias/mundo/mulher-de-92-anos-mata-filho-para-evitar-ser-mandada-para-asilo/ar-AAzAsNj?ocid=ientp

 Continue lendo matérias relacionadas a esta, clique aqui

   Publicidade:

 As Mais lidas
Quais os alimentos que contém carnosina? (Alexandrie Lasserre)
Corpo de Itamar Franco é cremado em Minas Gerais
Comida certa aumenta a capacidade de raciocínio, aprendizado e memória
Casos de dengue dobram em janeiro e Rio entra em alerta
A Guavira - Tradição do Cerrado Sul-Mato-Grossense

 Notícias Golspel
Isso Que é Viver - Renan Freixes (Hillsong Y&F - This Is Living) Cover
Natal ou Dia de Natal (Wikepédia)
‘Rolava tudo’, diz Thalles sobre vida antes de sucesso na música gospel
Festival Promessas celebra música evangélica no Rio de Janeiro

 Mundo Jovem
'Não mudamos o visual', diz Pe Lu sobre fase menos colorida do Restart
Em clima de histeria, Justin Bieber faz primeiro show no Brasil

Todos direitos reservados a EdsonPaim.com.br ®2010 | Desenvolvido por Dathus.c.rocha